SIMPATIA E CONVIVÊNCIA

Em repetidas oportunidades, a Misericórdia nos oferece meios de aprimoramento da alma, nas difíceis lições que precisamos aprender com as experiências da vida. As dificuldades, dores e sofrimentos constituem-se preciosos instrumentos para a forçosa melhoria da alma endurecida, tornando-a capaz de aproximar-se das pessoas, amando-as com bondade, humildade e compreensão.

O aço é proveniente da manufatura do minério de ferro, retirando-se as impurezas através de  diversos processos industriais, desde o alto forno, até os produtos finais, laminados, chapas, cantoneiras,  materiais amplamente utilizados nas sociedades  no conforto e bem-estar.

Da mesma forma, a alma endurecida nas camadas difíceis da ignorância, distanciada das qualidades de Deus, necessariamente se submete ao árduo tratamento na obtenção do amor, bondade e compreensão entre os semelhantes.  Passando inúmeras vezes pelas dores e sofrimentos, dificuldades e problemas, até mesmo doenças, infelicidades e infortúnios, num contínuo e proveitoso processo de aprimoramento da alma, para tornar-se capaz de melhor compreender os desígnios de Deus, e a sua total submissão em viver de acordo com a vontade de Deus.

A Misericórdia disponibiliza ambientes compatíveis com o nível de evolução, oferecendo oportunidade junto às  pessoas semelhantes, complicadas, teimosas e impacientes.

A convivência com  os  indiferentes para com Deus é oportunidade de se  desenvolver a paciência, a humildade, sobretudo, compreensão e bondade, procurando em si mesmo, exercitar o amor e luz de Deus. Um trabalho bastante importante é iluminar as trevas e sombras que envolvem as almas distanciadas de Deus.

Mesmo com possibilidade de deslocamento para outros lugares, distantes dos indiferentes com Deus, fugindo dos deveres e tarefas da vida, ainda assim, devemos pensar no desígnio de Deus, da razão de nos encontrarmos  em  ambiente tão difícil e complicado. Por certo, tudo que Deus faz é perfeito, não havendo nenhum equívoco nas realizações da vida, porque tudo se encontra controlado aos olhos de Deus.

Buscando compreender melhor o Evangelho do Senhor Jesus, na correta orientação de como se conduzir na vida, aceitar com resignação e humildade as situações que ocorrem ao redor. Fazendo com que os exemplos do Senhor Jesus sejam vivificados em cada atitude, prosseguir acreditando nas sublimes palavras do Evangelho,  “vence aquele que persistir até o fim”.

Por outro lado, as circunstâncias  no decorrer da vida, notadamente, são significativos fatores oferecidos pela Misericórdia, proporcionando-nos os  meios de purificação e iluminação dos conteúdos negativos da alma. Através da compreensão, amor e bondade às pessoas do convívio, devemos devotar  considerável esforço para não fracassarmos  perante   situações inconvenientes e negativas observadas nos ambientes. A persistência de continuar na senda do bem, da bondade e amor, avançando  no entendimento, podemos  vencendo as barreiras das indiferenças, e conduzindo-os  à aceitação do amor e luz de Deus.

Na época em que os Pais de Jesus estavam a caminho do Egito, fugindo da perseguição do soberano da Judéia, no caminho difícil e cheio de dificuldades, enfrentando os perigos de malfeitores, como também da falta de alimentos. Num determinado local do deserto, um bando de assaltantes cercaram o pequeno grupo de tres pessoas, dispensando olhares estranhos à jovem Maria, mãe de Jesus. Chegando-se perto, o chefe do bando observou a figura do bebê, pequeno menino Jesus, e tomado de repentio choque, envolvido por uma estranha força de luz, sentiu-se totalmente modificado em suas intenções. O líder do bando, conduzido por incontrolável fora, ordenou que o bando se dispersassem, oferecendo antes de se retirarem, alimentos e água para os pais de Jesus.

O acontecimento nos permite assimilar o exemplo do menino Jesus,  de manifestar a luz do amor de Deus em quaisquer circunstâncias perante acontecimentos menos felizes. Não temos os poderes naturais de amor e luz do Senhor Jesus, porquanto, mesmo na condição de inofensivo bebê, o seu bondoso Espírito Angelical espalhava a luz capaz de renovar quaiquer sombras e trevas em claridades de bondade e amor. Porém, podemos empregar esforços nas preces e orações, rogando ao Senhor Jesus a iluminação e entendimento, transformando corações e almas para o bem.

Perante pessoas da convivência comum, principalmente membros familiares, que nos apresentam sentimentos contrários ao bem, devemos imediatamente fazer preces e orações, preenchendo o coração de amor e luz de Deus. Ao mesmo tempo, endereçar rogativas ao Senhor Jesus e Benfeitores Espirituais, derramem a luz do amor de Deus, transformando as trevas e sombras em claridades de bondade, amor e compreensão. São os procedimentos corretos que nos permitem ajudar as pessoas envolvidas nos sentimentos distanciados do amor e bondade de Deus, que todos precisam manifestar em seus corações, para que  prossigam em direção ao elevado Reino dos Céus.

Temos objetivos bem definidos na presente existência, alcançarmos elevados patamares de compreensão das verdades de Deus, aprimorando a alma  nos princiípios de amor, caridade e bondade para com as pessoas ao redor. Além dos deveres e tarefas que precisam ser cumpridas fidedignamente, cabe ainda desenvolver a capacidade de convivência amistosa e pacífica em qualquer ambiente, e melhorarmos a  alma com as qualidades de Deus.

Colocando em prática os ensinamentos das verdades de Deus do Evangelho do Senhor Jesus, podemos  espalhar a luz e amor de Deus para todas as pessoas, colaborando para um mundo melhor, ao mesmo tempo em que estaremos, também, sendo agraciados com as elevadas vibrações de amor e luz provenientes dos Céus.

“Para manifestação do amor e bondade”

“Sinto-me tocado pelo amor e sabedoria de Deus. Percebi que o amor e vida de Deus estão em todas as coisas, fatos e pessoas. Com o coração repleto de amor e bondade, manifesto gratidão a Deus, abençoando a todos com o amor de Deus. Vivo em paz e harmonia em todos os momentos, dispensando a cada pessoa do  caminho elevadas vibrações de amor e luz. Em orações e preces, rogo ao Senhor Jesus ilumine, abençoe e oriente todos os endurecidos e distanciados de Deus. A luz do amor e sabedoria de Deus envolvem todas as pessoas ao redor. Estou sempre protegido e abençoado com a luz do amor de Deus. Peço a Deus  ilumine a minha alma, e ao meu redor se reúnem pessoas, boas, bondosas, compreensivas, harmoniosas e cheias de amor. Dou graças pela luz do amor de Deus em minha vida.”

 

 
Joomla SEO powered by JoomSEF